quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

CRIME DE ALINE: MARIDO MANDOU MATAR A MULHER, DIZ PC; ELE ESTA FORAGIDO. EXECUTOR E OUTRO ENVOLVIDO ESTÃO PRESOS

(Luciano Mota: marido e mandante, diz PC)

ATUALIZADO
Luciano Mota do Nascimento, 45 anos, autônomo foi apontado pela polícia civil como sendo o mandante da morte da própria mulher, a comerciante Aline Albuquerque da Silva, de 26, no final da tarde de 21 de dezembro do ano passado.
Aline foi executada com dois tiros, na frente dos filhos e de Luciano, numa situação montada para efetivar um latrocínio (roubo seguido de morte).
Luciano está foragido, mas foram presos o executor, Rodrigo de Oliveira Sousa, 18 anos, e o piloto de fuga, Max André Barbosa Ferreira, o “teté”, de 23.


O crime foi “queima de arquivo”.
A operação que elucidou o crime recebeu o sugestivo nome de  “OPERAÇÃO FARSA”.

O crime foi esclarecido numa entrevista coletiva coordenada pela delegada Ellen Maria e pelos delegados Antônio Lopes e Francisco Assis, na manhã desta quinta (09/02).

Segundo o delegado Antônio Lopes, a comerciante descobriu que Luciano estaria envolvido em crimes patrimoniais e por isso ele teria mandado matá-la, como queima de arquivo.
O policial acrescentou que o atirador não anunciou assalto, e sim “cobrou uma suposta dívida".
Contra Luciano existe um Mandado de Prisão Preventiva.

O CRIME
Aline, de 26 anos, foi assassinada com dois tiros de revólver na cabeça na Avenida Juvêncio Arruda, no Bairro Bodocongó em Campina Grande.
O crime ocorreu nas imediações do residencial Dona Lindu I.
Segundo informações obtidas pelo marido dela e confirmadas pela polícia militar, o casal tinha acabado de descer de um carro.
Ela foi abordada por um homem moreno de casaco azul que anunciou um assalto, mas no primeiro momento não apresentou a arma.
De acordo com o marido, a vítima tentou entrar em casa quando o assassino sacou de um revólver, atirou na cabeça dela e depois, mesmo com ela caída, ele se aproximou e efetuou o segundo tiro.
Em seguida o homicida saiu sem levar nada do casal.
A PM constatou que o acusado fugiu numa moto que era conduzida por um comparsa que o esperava próximo ao local do homicídio.
Aline era comerciante e tinha três filhos.
As crianças também presenciaram o crime.
EXECUTOR SE APRESENTOU E DEU VERSÃO 
O acusado de executar Aline Albuquerque se apresentou espontaneamente à Divisão de Homicídios no dia 27 de dezembro.
Acompanhado de um advogado, Rodrigo de Oliveira disse que “cometeu o crime porque ela estava devendo uma quantia em dinheiro a ele”.
Tal afirmação está contida no depoimento dele à PC.
Ele disse que  o valor desse débito seria “inferior a 300,00 reais”.

12 comentários:

  1. EU JÁ HAVIA DITO ISSO A MUITA GENTE, INCLUSIVE A RENATO DINIZ.
    MESMO SEM CONHECER NINGUÉM, MÁS TIVE A IMPRESSÃO E ACERTEI.

    ResponderExcluir
  2. Eu também tiunha 99,9% de certeza q tinha sido o companheiro dela,pq na entrevista ele estava frio,depois da morte dela ele agiu como se tivessem matado um animal e não sua companheira,deve ter ficado com a família dela ate o atirador se apresentar depois disso ele se mandou!safado merece pena de morte matou a mãe de 3 filhos inclusive um dos filhos sendo dele!imagina os q viram,vão carregar a cena pra o resto da vida!um monstro

    ResponderExcluir
  3. Esse ai se não se arrepender vai direto pra o inferno

    ResponderExcluir
  4. Maldito frio e calculista .. ele mandou mata foi dar depoimento do q tinha visto no msm dia .. no outro dia ele tava no velorio dela como se nada tinha acontecido.. ficou la no velorio vendo o sofrimento dos filhos dela e da familia as criaças tao pequena em ver eles me parte o coraçao.. no outro dia ainda foi pro interro... cabra safado mostro.. o que ele fez com ela eu so desejo que faça pior com ele... esse mostro n merece vive tem é que mata logo umas pragas dessas infeliz..

    ResponderExcluir
  5. AQUELA REPORTAGEM COM ESSE VERME LOGO DEPOIS DÓ OCORRIDO FOI REVELADORA!
    ESSE BANDIDO DEMONSTROU UMA FRIEZA,É UMA CALMA ABSURDA É HÁ PARTIR DAQUELE MOMENTO ERA QUASE IMPOSSÍVEL NÃO ACHAR QUÊ ELE ESTAVA ENVOLVIDO...PARABÉNS HÁ POLÍCIA PELO EMPENHO É PELO BOM TRABALHO,QUÊ ESSE COVARDE SEJA PRESO LOGO É MOFE NA CADEIA JUNTO COM ÓS OUTROS,ENVOLVIDOS.

    ResponderExcluir
  6. além dê ser um bandido esse mané achou que não iria ser descoberta há farsa....

    ResponderExcluir
  7. Eu não tinha a menor dúvida sobre o mandante, espero que pague o devido e justo. Agora o que também me deixou chocada foi a frieza de pessoas que tiveram acesso a umas fotos íntimas( mostrando como aline ficou após uma lipoaspiração) as quais a mesma não as divulgou, e essas pessoas que se dizem corretas espalharam com o intuito de dizer que Aline era garota de programa e por isso teria sido assassinada, mesmo que fosse, ninguém teria o direito de tirar a vida dela, as pessoas não respeitam nem a dor dá família, mas graças a Deus está aí o verdadeiro motivo, justiça de Deus sendo feita. Não quero aqui dizer que Aline era uma santa, mas que o justo e pagar pelo que se deve e não pelo que as pessoas condenam.

    ResponderExcluir
  8. eu já suspeitava isso ai.e através desse crime ainda vai vim outros porque o mandante da morte da mulher já e envolvido em outros crimes.

    ResponderExcluir
  9. coloca a foto em rede social em programa na tv.que ele vai aparecer.

    ResponderExcluir
  10. Covarde! Cadeia para esse bandido e as outras DUAS ALMAS SEBOSAS.

    ResponderExcluir