quinta-feira, 7 de setembro de 2017

LATROCÍNIO: ASSALTANTES MATAM COMERCIANTE EM CAMPINA; PC PRENDE ACUSADOS

(ATUALIZADO)
DELEGACIA DE ROUBOS E FURTOS PRENDE DOIS ACUSADOS.
UM DELES CONFESSOU O CRIME.
*Nesta sexta-feira (08/09) às 10h30 a PC apresenta os dois acusados durante entrevista coletiva na Central de Polícia.
O comerciante Antônio Ferreira da Silva, de 59 anos de idade, foi vítima de um crime covarde e brutal.
Na manhã desta quinta-feira (07/09) ele foi encontrado morto em cima da cama do quarto da casa onde morava na Rua José Sebastião da Silva, no Bairro Santa Rosa, em Campina Grande.
“Toinho”, como era conhecido, estava com os pés, pernas e mãos amarrados, além disso, foi amordaçado de tal forma que acabou morrendo por asfixia.
Dois amigos dele encontraram o corpo.
Por volta das 09h00 um deles começou a ligar para Antônio e nada dele responder.

Foram muitas ligações, pois todos os dias a gente conversava pessoalmente ou por telefone. Como moro perto, estranhei”, disse o amigo.
Eu e outro colega fomos a casa dele. Começamos a chamá-lo e nada de obter resposta. Foi quando reparamos que o portão não estava travado. Quando entramos percebemos que a picape dele não estava na garagem. Observamos que a TV da sala não estava no local, e ao chegarmos ao quarto encontramos ‘Toinho’ amarrado e morto e meio a uma bagunça”, completou.
O quarto estava todo revirado.
Ninguém na vizinhança percebeu algo estranho ou ouviu algo.
Os ladrões levaram o equipamento onde estavam armazenadas as imagens das câmeras de monitoramento.
Os assassinos roubaram três aparelhos de TV, dinheiro, a picape (que foi encontrada na Avenida assembleia de DEUS no Bairro Pedregal no final da tarde pela polícia militar) e outros pertences.
"Toinho" morava sozinho, tinha filhos e era bastante conhecido no Bairro Santa Rosa.
O delegado Cristiano Santa e equipe de Roubos e Furtos investigaram o latrocínio (roubo seguido de morte) e desvendaram a trama.

15 comentários:

  1. Só um detalhe: esse bairro não é Santa Rosa e sim Jardim 40.

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Você ta certo Renato é bairro de santa rosa mesmo. Nao existe esse bairro jardim 40. Esse nome foi criado anos atras . Mas hoje pertence a santa rosa.

      Excluir
    2. Meu amigo, moro na Rua Presidente Costa e Silva, do lado da rua José Sebastião da Silva. A parte ímpar da Costa e Silva é Jardim 40, assim como todo aquele conjunto de ruas paralelas e transversais que vão até a rua Almirante Barroso. A propósito, essa casa do assassinado fica no Conjunto Nordeste (coisa de escritura, quase ninguém sabe disso), que hoje, fica no bairro Jardim 40, há anos que deixou de pertencer à Santa Rosa. É só digitar 58416-010 na busca de CEP dos Correios pra comprovar. O problema é que a rua José Sebastião da Silva é comprida vai até a área do Meninão, daí a confusão.

      Excluir
    3. E o que tem a ver se é 40 ou Santa Rosa? O cara mantinha relações sexuais com menores de idade e certamente não pagava o necessário e elas passaram a fita e facilitaram a entrada dos comparsas.

      Excluir
  3. Parabéns Renato, e obrigado pelas informações.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Renato, e obrigado pelas informações.

    ResponderExcluir
  5. Como é triste todos os dias um pai, uma mãe, um cidadão de bem é atacado por esses marginais que destroem a vida das famílias. E cadê nossa segurança? O sistema penitenciário no Brasil é uma negação.

    ResponderExcluir
  6. Como é triste todos os dias um pai, uma mãe, um cidadão de bem é atacado por esses marginais que destroem a vida das famílias. E cadê nossa segurança? O sistema penitenciário no Brasil é uma negação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O sistema judiciário e educacional do nosso país que é uma negação. Nosso código penal é de 1940.

      Excluir
  7. Minha querida Simone,o sistema penitenciário e a segurança não tem nada a ver com isso e sim o nosso código penal que está caduco,o sistema prisional e a segurança fazem o seu trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LUÍZ FIGUEIREDO, VOCÊ É UM MERDA QUE FALA (ESCREVE) MERDA.

      Excluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir