terça-feira, 3 de outubro de 2017

OPORTUNIDADE: UEPB LANÇA CONCURSO PÚBLICO PARA 197 VAGAS

A Universidade Estadual da Paraíba divulgou as normas de realização do novo concurso público que vai preencher 197 vagas.
Os salários oferecidos pela universidade aos novos servidores são de “1.502,24 reais” para cargos de nível fundamental, “2.394,35 reais” para médio/técnico e de “3.396,43 reais” para funções de nível superior.

Os aprovados serão lotados nos Campi de Campina Grande, Lagoa Seca, Guarabira, Catolé do Rocha, Monteiro, Patos e Araruna.
NÍVEL FUNDAMENTAL
Auxiliar Administrativo (92 vagas) e Auxiliar de Laboratório de Análises Físico/Química (3 vagas).
NÍVEL MÉDIO
Almoxarife (5 vagas), Assistente técnico (86 vagas), Técnico de segurança do trabalho (1 vaga) e Desenhista projetista (2 vagas).
NÍVEL SUPERIOR
Administrador (1), Advogado (1), Pedagogo (2), Economista (1), Psicólogo (1), Farmacêutico industrial (1) e Secretário executivo (1).
As inscrições estarão abertas das 10h00 do dia 09 de outubro até as 23h59min do dia 29 de outubro de 2017, pelo site da UEPB - http://cpcon.uepb.edu.br.
A taxa de inscrição é de “60,00 reais” para nível fundamental, “80,00 reais” para nível médio e “100,00 reais” para cargos de nível superior, com pagamento do boleto até o dia 30 de outubro.
O concurso terá etapas de prova escrita objetiva e produção textual para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório.
No dia 3 de novembro será divulgada a relação das inscrições homologadas e no dia 23 de novembro serão divulgados os locais de prova.
As avaliações ocorrerão no dia 3 de dezembro e os gabaritos sairão no mesmo dia, após a prova.
No dia 12 de dezembro será divulgado o resultado preliminar da prova escrita objetiva e no dia 21 do mesmo mês o resultado da prova de produção textual.
O resultado final do concurso será publicado no dia 29 de dezembro deste ano.
O reitor da Universidade, Rangel Junior, citou que "estamos entrando em uma fase extremamente crítica de redução do quadro de trabalhadores efetivos da Universidade. Temos hoje, entre terceirizados e trabalhadores temporários, mais de 500 pessoas trabalhando na Universidade que não são do quadro efetivo. Essa é uma tentativa de diminuir esse problema. Devemos entrar no ano de 2018 com os aprovados neste concurso, se não já contratados, mas já convocados para que nos primeiros meses do ano estejam se incorporando ao trabalho na UEPB", destacou.
(Por Ache Concursos/ Adriano G. Maas)

Nenhum comentário:

Postar um comentário