Menu

sábado, 4 de abril de 2015

EM PLENA SEXTA-FEIRA SANTA MULHER É ASSASSINADA A TIROS NAS MALVINAS EM CAMPINA GRANDE

Por volta das 22h50 desta sexta-feira (03/04) Juliana Dionísio, de 30 anos, foi assassinada a tiros na Rua das Cambebas, no Bairro Malvinas, em Campina Grande, com três tiros de revólver no tórax.      
A polícia militar recebeu um telefonema anônimo onde a comunicante informava ter ouvido, pelo menos, quatro disparos, muita “correria e gritaria”.
Uma guarnição se dirigiu ao local e constatou que a vítima havia sido socorrida por populares para o Trauma, mas não resistiu aos ferimentos.
Ela morreu ao dar entrada no Hospital.
Também foi repassado para a guarnição do cabo Alécio que alguém chegou à casa de Juliana e a chamou.
Quando ela se dirigiu para ver que chamava, acabou baleada.
O assassino estava na companhia de um comparsa que o aguardava em uma motocicleta.
As características do veículo não foram repassadas.
O crime vai ser investigado por uma das quatro equipes de Homicídios em Campina Grande.
Foi um crime covarde: Juliana estava em casa com três filhos menores de idade (uma adolescente e dois meninos) quando tudo aconteceu.
Informações sobre os criminosos disque 197. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário