segunda-feira, 17 de julho de 2017

PC PRENDE SUSPEITOS DE MATAR E ESTUPRAR MENINOS; POPULAÇÃO TENTA LINCHAR UM DELES

Dois homens foram capturados, na noite desse domingo (16/07), suspeitos de matar dois meninos (irmãos de 8 e 10 anos).
O crime ocorreu em Viçosa do Ceará.
As crianças foram mortas a facadas.

Os meninos saíram para procurar capim para alimentar um carneiro que tinham ganhado.
Os dois homens foram autuados por homicídio duplamente qualificado – por meio cruel e impossibilidade de defesa das vítimas.
Um adolescente, apontado como envolvido com o crime, chegou a prestar depoimento na unidade policial, mas foi liberado.
Segundo o delegado Gregório Neto, titular da delegacia de Viçosa do Ceará, um deles foi preso em uma praça da cidade e confessou o crime.
"Ele disse que estava com o outro no local que costumavam frequentar para usar drogas, quando ele o chamou para matar os meninos. As crianças estavam com faca para cortar capim e foram mortas com essa mesma faca", explicou, em entrevista ao O POVO online.
A investigação policial aponta que eles utilizavam crack quando avistaram as crianças.
"Acreditamos que não houve abuso sexual, teve esse boato, mas só vamos confirmar que não houve com o resultado", destaca Gregório.
Depois que foi preso, o primeiro suspeito apontou o nome do comparsa, capturado na própria residência, próxima ao local do crime.
Ele nega o envolvimento no crime.
O menino de oito anos foi encontrado com vida, ferido no braço e na coxa, mas morreu no hospital.
O irmão mais velho foi localizado morto, momentos depois, com lesões de faca no peito e no pescoço.
(Amanda Araújo/ O Povo)
POPULAÇÃO TENTA LINCHAR UM DELES
A população de Viçosa do Ceará, no interior do estado, lotou a frente do Fórum Municipal, onde era mantido um dos suspeitos de matar duas crianças, irmãos de 8 e 10 anos de idade, assassinados neste domingo (16) a golpes de faca.
Ele foi escoltado a um local não revelado pela polícia para evitar um linchamento.
O suspeito deixou o fórum sob os gritos de "assassino" e "monstro".
Durante a condução, quando o homem foi colocado no interior do carro policial, houve tumulto, e a polícia disparou tiros de bala de borracha para conter a população, que tentou se aproximar do homem preso.
"O autor do crime confessou e indicou os outros participantes. Ele disse que foi pra casa, lavou a camisa e trocou de roupa. A faca foi encontrada no matagal perto das crianças. A faca era das vítimas, que tinham ido lá para cortar capim e dar para uma ovelha. As investigações vão continuar e vão ser ouvidas mais pessoas", disse o delegado Gregório José de Oliveira.
SINAIS DE ESTUPRO
O menino de oito anos que foi morto a facadas junto com seu irmão, de 10 anos, em Viçosa do Ceará, apresentava sinais de violência sexual, segundo informaram a Polícia Civil e o médico plantonista do hospital municipal, para onde a vítima chegou a ser levada.
Conforme o médico Pedro Jonatas Pereira, a criança chegou à unidade de saúde com grave hemorragia devido aos golpes de faca e violação anal.
Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Sobral para realização de exames cadavéricos.
Os laudos devem apontar as reais causas da morte e confirmar se realmente houve estupro.
POPULAÇÃO EM CHOQUE
As crianças de oito e 10 anos foram encontradas em um matagal próximo à residência deles, no distrito de Inharim, zona rural de Viçosa do Ceará.
Um deles morreu no local e o outro foi levado para o hospital da cidade, mas não resistiu.
O crime chocou os moradores da cidade.
Os homens e o adolescente capturados foram levados para a delegacia de Tianguá, onde permaneceram detidos durante a noite.
(G1 CE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário