quinta-feira, 5 de abril de 2018

SUPREMO REJEITA POR 6 VOTOS A 5 HABEAS CORPUS PREVENTIVO PARA LULA


Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou por 6 votos a 5 o pedido de habeas corpus preventivo da defesa e com isso autorizou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O julgamento durou quase 11 horas, e o resultado foi proclamado na madrugada desta quinta-feira (05/04) pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia.
Os advogados de Lula não comentaram.
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, disse que o resultado "foi do jeito que o Ministério Público pediu".
Agora, a execução da prisão depende do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que, em janeiro, condenou Lula a 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex no Guarujá (SP).
No último momento do julgamento, quando já havia maioria para negar a liberdade a Lula, a defesa fez um último pedido para impedir a prisão até o julgamento de recursos no próprio STF que os advogados pretendiam apresentar contra a decisão desta quinta. Por 8 votos a 2, a maioria dos ministros negou esse pedido.
A defesa de Lula ainda tem possibilidade de apresentar um último recurso ao TRF-4, mas que não tem poder de reverter a condenação e absolver o ex-presidente.
O prazo de 12 dias para apresentação desse recurso começou a contar no último dia 27.
Depois de esgotada a "jurisdição" no tribunal, o TRF-4 enviará um ofício ao juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal, comunicando a decisão.
Caberá a ele mandar a Polícia Federal prender Lula.
COMO VOTOU CADA MINISTRO
CONTRA CONCEDER O HABEAS CORPUS: Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux e Cármen Lúcia.   
A FAVOR DE CONCEDER O HABEAS CORPUS:
Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello.
(Por Renan Ramalho, Guilherme Mazui, Fernanda Calgaro e Rosanne D'Agostino, G1, Brasília)
Foto: Carlos Moura/SCO/STF

2 comentários:

  1. COMO DISSE A MINISTRA RAQUEL DODGE : NO BRASIL A JUSTIÇA TARDA E FALHA, FACE À TANTOS RECURSOS A FAVOR DOS CRIMINOSOS. QUANDO EU DIGO CRIMINOSOS, ME REFIRO ÀQUELES PODEROSOS, RICOS E INFLUENTES. OU ALGUÉM JÁ VIU BANDIDO POBRE TER TANTOS RECURSOS E UM JULGAMENTO TÃO NOJENTO COMO ESTE ???????
    PENSANDO BEM; ISTO É UM JULGAMENTO OU UMA NOVELA ?????

    ResponderExcluir