quarta-feira, 30 de maio de 2018

PAROU: ALPARGATAS DECRETA FÉRIAS COLETIVAS NAS TRÊS FÁBRICAS DO ESTADO


A Empresa Alpargatas decretou férias coletivas de dez dias na Paraíba a partir desta quarta-feira (30/05) devido aos transtornos causados pela paralisação dos caminhoneiros.

De acordo com a assessoria de imprensa da empresa, o motivo seria a falta de matéria-prima para operar normalmente. 
Aproximadamente 10 mil funcionários ficam sem trabalhar em Campina Grande, Santa Rita e Alagoa Nova.
A Alpargatas concedeu férias coletivas para os empregados das fábricas de Campina Grande, Santa Rita e Alagoa Nova por falta de matéria-prima. As cidades sofrem com o desabastecimento desde segunda-feira (28) e, momentaneamente, havíamos feito uma redução da produção em algumas unidades industriais, mas agora tivemos que parar”, informou.
Na nota, a assessoria enfatiza que a empresa não está demitindo nenhum funcionário, apenas tomando uma atitude para evitar prejuízos financeiros.
Tão logo a greve dos caminhoneiros termine e os materiais cheguem, a empresa retomará a produção normal, retornando ao patamar de antes da greve. A companhia enfatiza que não haverá redução definitiva da produção; é apenas algo temporário”, finalizou.
(Por OP9)

Nenhum comentário:

Postar um comentário