Menu

sexta-feira, 15 de abril de 2016

HOMENS SÃO PRESOS ACUSADOS DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER; EM UM DOS CASOS A PC ENCONTROU DROGA DENTRO DE CASA

Policiais da Delegacia de Apoio a Mulher em Campina Grande prenderam em flagrante um homem acusado de violência doméstica e tráfico.
E ex-mulher dele informou que sofreu ameaças de morte e o acusado tentou atingi-la com um carro.
Além disso, a mulher informou que o ele havia levado a filha de três anos.
Quando os agentes se dirigiram até a casa dele no Bairro Santa Cruz encontraram cocaína, maconha, trituradores de maconha, “marica”, munições de pistola “380”, quatro celulares e a quantia de “6.395,00 reais”.
Os agentes da Delegacia também prenderam outro homem acusado de violência doméstica na cidade.
Contra ele havia um Mandado de Prisão por lesão corporal qualificada.
As prisões dos dois homens ocorreram nesta quinta-feira (14/04).
Outra prisão foi de um estudante de direito da UEPB.
Ele é acusado de perseguir e amedrontar uma jovem.
Inclusive, de acordo com a PC, o rapaz frequentava o curso de direito na UEPB só por causa dela, estando matriculado em uma única disciplina. 
Havia uma medida cautelar para que ele não se aproximasse da mulher, porém o acusado descumpriu a determinada.
A prisão é em caráter provisório.
Outros dois homens ainda foram presos acusados de violência contra suas companheiras.
A PC também prendeu Fernando Júnior em cumprimento a um Mandado de Prisão Preventiva.
Consta na investigação que o preso de forma continuada, usando de equipamento de bloqueio de sinal do alarme veicular, conseguiu ter acesso a veículos estacionamos no interior e ao lado do Colégio Motiva de Campina Grande, e subtraia aparelhos celulares das vítimas.
Todas as ações criminosas foram flagradas pelo circuito de câmeras do estabelecimento educacional.
Fernando já tinha sido preso antes por furto de pneus estepe.
A Prisão Preventiva determinada pela 4ª Cara Criminal.
Em Lagoa Seca Edvaldo do Nascimento “catoi” foi preso em flagrante por tráfico de droga e crime ambiental (matinha aves em cativeiro).
Ele foi preso pelo superintendente Luciano Soares e equipe.
A PC chegou ao acusado após flagrar adolescentes consumindo drogas na comunidade “Floriano”, a partir da abordagem, os usuários informaram como conseguiram a droga.
(DEAM/Campina Grande)

Nenhum comentário:

Postar um comentário