Menu

domingo, 26 de junho de 2016

EMPRESÁRIO É ASSASSINADO EM CUBATI; POLÍCIA AINDA SEM PISTAS DOS ACUSADOS. FESTA JUNINA DA CIDADE É CANCELADA

A polícia ainda não tem pistas dos dois homens que assassinaram a tiros por volta das 10h40 deste sábado (25/06) o empresário Damião Afonso de Sousa, de 49 anos, conhecido como “Afonso de Júlio”.
O crime aconteceu no Centro de Cubati, na região do “Seridó”/Curimataú paraibano.

Afonso foi morto com quatro tiros de revólver.
A vítima caminhava nas imediações de um clube quando os assassinos, em uma moto Bros de cor vermelha, se aproximaram e um deles (o garupa) abriu fogo.
Eles não usavam capacetes.
De imediato populares colocaram Afonso em um carro, mas o empresário morreu antes de dar entrada no hospital da cidade.
Nada foi roubado de Damião Afonso que era uma pessoa bastante conhecida na região.
As polícias civil e militar intensificam as buscas nas região.
Havia três meses que um sobrinho dele morreu em acidente de moto.
Em virtude da morte de "Afonso de Júlio", o prefeito de Cubati, Dudu Dantas, de maneira sensata, cancelou a festa junina do município, o "João Pedro da Serra". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário