sábado, 17 de novembro de 2018

LADRÕES SE PASSAM POR POLICIAIS CIVIS E FAZEM ARRASTÃO EM PRÉDIO


*Roubo durou 6 horas e 40 moradores e funcionários foram rendidos e trancados em lavanderia
15 ladrões armados fizeram um arrastão na manhã de sexta-feira (16/11) em um condomínio na região do Morumbi, Zona Sul de São Paulo.

Segundo os moradores, os bandidos chegaram por volta das 8h30 e, usando uniforme e distintivos da Polícia Civil, disseram ao porteiro que iriam cumprir um mandado de prisão no local.
Os criminosos tinham ainda um controle que abria o portão da garagem do prédio, localizado na Avenida José Galante.
O porteiro chegou a tentar fechar o portão ao não identificar os veículos, mas não teve tempo, e acabou sendo rendido pelos criminosos.
Os moradores que entravam e saíam do prédio eram abordados pelos ladrões, levados até os apartamentos, de onde levavam joias e dinheiro.
O arrastão durou cerca de 6 horas e os ladrões só deixaram o prédio após as 14h.
Parte da quadrilha ficou do lado de fora do prédio, dando cobertura.
Os integrantes do grupo se comunicavam por rádios, segundo testemunhas.
Cerca de 40 pessoas, funcionários e moradores, ficaram trancadas, durante o assalto, na lavanderia de um flat que fica no térreo do prédio.
Peritos da Polícia Científica estiveram no local para colher impressões digitais e tentar identificar os assaltantes.
Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública informou que o 89º Distrito Policial está investigando o roubo.
"Cerca de 15 criminosos entraram no local e roubaram moradores. A Polícia Civil identificou dois carros utilizados pela quadrilha e está colhendo depoimentos de testemunhas para identificar e deter os envolvidos", diz a nota da pasta.
(Por Ana Paula Campos e André Graça, TV Globo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário