quarta-feira, 22 de maio de 2019

VEREADOR COBRA COMPROMISSO DO GOVERNADOR COM A POLÍCIA MILITAR E BOMBEIROS

O vereador campinense, Sargento Neto, fez duras críticas à falta de compromisso do governo do estado com a segurança pública durante entrevista na manha desta terça feira concedida à Rádio Caturité FM.

"Há alguns dias, realizamos um ato púbico para levar ao conhecimento do governador a demanda da polícia militar e dos bombeiros militares e o governo do estado não nos atendeu, ficou de marcar uma audiência e até hoje nada”, reclamou Sargento Neto.
"Inclusive o governador já sinalizou para outras categorias e que tem intuito de resolver e ajudar em suas demandas, mas para Polícia Militar e Corpo de Bombeiros está do mesmo jeito: pagando o pior salário, desrespeitando a questão das horas extras e praticamente forçando o policial a trabalhar na escala extra (principalmente agora chegando os festejos juninos)”, pontuou.
Segundo Neto, é uma falta de atenção do governo do estado em relação aos policiais e bombeiros militares.
"É um governo de continuidade. Não é um governo de quatro ou cinco meses. É um governo que já está há mais de 100 meses praticando esta política de 'ouvido de mercador com as classes dos policiais militares e dos bombeiros militares'”.
SOBRE O PCCR 
"Reivindicações como um PCCR mais justo são solicitadas há mais de 100 meses. O PCCR foi anunciado por ele para os agentes (sem demérito nenhum), mas ele tem que ver também o lado dos PMs e bombeiros militares”, enfatizou o vereador.
"A nossa classe ainda sofre com a disparidade salarial. quando o policial passa para a reforma remunerada tem uma perda de 42% nos seus proventos.  Este é o tratamento a aquele que passa mais de 30 anos de sua vida trabalhando, defendendo a sociedade, se arriscando para receber este 'prêmio' do estado quando vai para a reforma”, concluiu Neto. 
(Por Blog do Fábio Brito)

Um comentário:

  1. nem atendeu e nem vai atender,até hoje a PM espera receber " risco de vida ",todo ano a PM reduz homicidios e retira muitas armas da rua, ou seja, está fazendo o trabalho dela,você acha mesmo que o governador vai dar aumento ?"Ninguém mexe em time que ta ganhando ".

    ResponderExcluir