sexta-feira, 8 de maio de 2020

ANIMAL NA PISTA: JOVEM MORRE EM ACIDENTE E LADRÕES FURTAM CAPACETE E CORDÃO DE OURO DA VÍTIMA


*Vítima sonhou com a morte
*Jovem começaria a trabalhar dia 15 de maio e queria ajudar a mãe
Na noite da quinta-feira (07/05), por volta das 20h00, um animal na pista causou a morte de um jovem que no dia 30 de maio completaria 19 anos de idade.

Emerson Conceição de Paiva Gonçalves conduzia uma moto e bateu em um cavalo na Avenida Paris, entre o Bairro Cuités em Campina Grande e o distrito Jenipapo.
O veículo ficou totalmente destruído.
Emerson morreu na hora.
O rapaz estava se dirigindo a Campina Grande após ter saído de Jenipapo, conforme familiares.
Ele morava com os pais no sítio “Antas”, em Puxinanã.
FURTO DE CAPACETE E CORDÃO DE OURO
Ladrões aproveitaram o momento em que a vítima estava ao solo (certamente sem ninguém por perto) e furtaram um capacete e um cordão de ouro.
Um ato deplorável, insano e desprezível.
FAMÍLIA “SEM CHÃO”
A notícia da morte do “mais novo da família” veio com um efeito devastador.
Emerson era um jovem sonhador, muito apegado aos pais e irmãos.
O rapaz esteva bastante feliz.
No dia 15 de maio ele começaria a trabalhar num supermercado de Campina Grande, mas a vida foi  interrompida.
DOR DE MÃE
Vera Lúcia da Conceição de Paiva, entre a dor e lágrimas, falou que o filho sonhava com o futuro.
Emerson disse certa vez que quando tivesse empregado iria ajudar a mãe.
Não via a hora de começar a trabalhar.
Ela contou ainda que o filho teve um sonho de que alguma coisa terrível iria acontecer.
Um sonho que tinha haver com morte.
A mãe acalmou o jovem por causa disso.
“Ele sonhou com uma pessoa morta, com um ferimento na perna e nesse sonho ele ficava completamente gelado. No entanto o ferimento que ele viu na perna dessa pessoa, era o ferimento que foi visto na perna dele após o acidente”.
Além da morte do filho, dona Vera perdeu o pai que morreu quarta-feira (06) no Rio de Janeiro.
O corpo ainda está em um dos hospitais da capital fluminense, pois existe a suspeita de coronavírus.
FAMÍLIA QUER JUSTIÇA
A família do rapaz quer seja feito alguma coisa, que os responsáveis sejam punidos.
Os donos dos animais nunca aparecem nesta hora.
O cavalo envolvido no acidente não morreu.
Conforme namoradas do Bairro Cuités, é  muito comum animais na rodovia principalmente à noite.
Os carros se repetem em Campina Grande.
Recentemente uma jovem foi morta nas mesmas circunstâncias.
O acidente aconteceu no canal do Prado, no Bairro Catolé, durante o dia.
Ela estava na garupa da moto conduzida pelo irmão.
Um cavalo atravessava a via, e não deu tempo o condutor parar.
A moto colidiu com o animal e a mulher morreu na hora.
*Emerson foi sepultado na tarde desta sexta (08) no cemitério de Puxinanã
(Por www.renatodiniz.com)

9 comentários:

  1. vc ai que levou o cordão e o capacete do rapaz e melhor vc devolver porquer vc não vai ter sossêgo não. o dono do cordão vai te achar onde vc estiver.

    ResponderExcluir
  2. MOTOS, MOTOS, MOTOS.....
    ESTES MOTOQUEIROS ANDAM BEM DEVAGAR, NÃO É MESMO ? BATEU, MORREU !!!
    MAS, OS DEMAIS NÃO APRENDEM A LIÇÃO ! AMANHÃ, VEREMOS O MESMO FILME COM OUTROS ARTISTAS !!!! FALTA DE EDUCAÇÃO, DE RESPONSABILIDADE, E DE FISCALIZAÇÃO POR PARTE DO PODER PÚBLICO !

    ResponderExcluir
  3. Esse idiota imbecil só apreendeu essa palavra na escola. Moto moto moto. Acho que é um inrustido nunca teve uma moto coitado procure o hospital doutor maia. Moto moto moto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. NUNCA TIVE MOTO E NEM QUERO TER. BEM SUCEDIDO EM MINHA CARREIRA NO SERVIÇO PÚBLICO, POSSO DESFRUTAR DE MEIOS DE TRANSPORTE BEM MAIS CÔMODOS E SEGUROS.
      E NÃO VOU CORRIGIR SEUS ERROS DE PORTUGUÊS, POIS SÃO TANTOS, QUE EU GASTARIA GRANDE PARTE DO MEU PRECIOSO TEMPO.
      ESTA SUB-RAÇA DE PETISTAS, APESAR DE COMUNISTAS MORTOS DE FOME, AINDA SÃO ANALFABETOS. LAMENTÁVEL !!!

      Excluir
    2. Meu ovo. BABÃO, de Cunha Lima

      Excluir
  4. Coitada dessa mae qui deus abençoe essa família

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.