sábado, 20 de outubro de 2018

ÁGUAS DA TRANSPOSIÇÃO SÓ DEVEM CHEGAR NOVAMENTE À BOQUEIRÃO ENTRE NOVEMBRO E DEZEMBRO

O vereador campinense Sargento Neto e o engenheiro agrônomo Isnaldo Costa, especialista em recursos hídricos, realizaram esta semana uma visita ao trecho do PISF – Projeto de Integração do São Francisco – início da EB 6 em Sertânia/PE até o Açude Epitácio Pessoa/Boqueirão.

Isnaldo informou que na EB 6 o sistema de bombeamento estava parado desde o dia 12 de outubro com isso a vazão que passa na galeria em Monteiro/PB é muito baixa e portanto o volume inexpressivo está chegando ao Açude Poções.

Diante disso ele acredita que neste ritmo de vazão liberada a chegada da água ao Epitácio Pessoa deverá ocorrer entre os meses de novembro e dezembro.

O engenheiro acrescentou que as obras de implementação hidromecânica nos dois mananciais estão em plena execução conforme metas planejadas.

Por sua vez o vereador Sargento Neto disse que viu bastante progresso nas obras, mas também se mostrou preocupado com demora da água da transposição chegar novamente ao Epitácio Pessoa (Boqueirão) tendo em vista a interrupção do fornecimento por causa das obras em Monteiro e Camalaú.

Atualmente Boqueirão conta com 26,76% de sua capacidade total.

Temos que ser diligentes. O volume de dinheiro que foi investido nessas obras é muito alto e como representante de Campina Grande na câmara de vereadores sinto-me na obrigação de saber como andam as obras, pois naturalmente que Campina e região são afetadas diretamente com o problema de água”.

Neto adiantou que essa preocupação dele vem bem antes de ser eleito vereador.

Quem me conhece sabe da minha preocupação com a questão hídrica na região em especial no que se refere à transposição. Por pouco, recentemente, não tivemos um colapso no abastecimento para Campina e outras cidades servidas pelo Epitácio Pessoa. Estou fazendo o meu trabalho (que deveria ser também preocupação de representantes na esfera federal e estadual”, pontuou Neto.

O vereador e o engenheiro se impressionaram com a magnitude das obras nos dois açudes e mostraram isso através de fotografias e vídeos divulgados nas redes sociais.

A visita também serviu como uma espécie de “passar a limpo” o montante de informações desencontradas em Campina Grande, por exemplo.

(Por www.renatodiniz.com com informações do vereador Sargento Neto e engenheiro Isnaldo Cândido)
Fotos: Isnaldo Cândido e Sargento Neto

Um comentário: