quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

FOI HOMICÍDIO: PC ESCLARECE MORTE DE ARTISTA PLÁSTICA EM CAMPINA

(Elizabete de Oliveira Serrano)

A Delegacia do Idoso em Campina Grande, em investigação comandada pela Delegada de Polícia Maria Madileine de Oliveira Lima, esclareceu a morte da artista plástica Elisabete de Oliveira Serrano, de 73 anos.

Ela morreu em 26 de fevereiro deste ano e inicialmente de “causa indeterminada”.
Segundo a polícia uma cuidadora (que está cumprindo prisão domiciliar) e um homem identificado como Heleno Alves (que está desaparecido) “tentaram forjar a causa da morte da falecida, produzindo documentos falsos e fazendo constar causa indeterminada para o seu falecimento”, explicou o delegado Pedro Ivo da 10ªDSPC.
Em comunicado a imprensa o delegado acrescenta que “a família da vítima teve informações sonegadas, tendo procurado a Polícia Civil para a adoção de providências. A partir da exumação do cadáver, com a realização de exame médico, constatou-se que a real causa da morte da vítima foi provocada por instrumento ‘corto-contundente’, mediante agressão física, causando traumatismo craniano e hemorragia cerebral”.
(Por www.renatodiniz.com com informações da 10ªDSPC)

Um comentário: