sábado, 8 de dezembro de 2018

HOMEM MATA VIZINHO E ENTERRA CORPO EM CHIQUEIRO DE PORCOS


Policiais civis em Barra de Santa Rosa, no Curimataú, desvendaram o misterioso desaparecimento de um aposentado de 72 anos de idade.

Havia cerca de 50 dias que Roseno Manoel da Silva estava desaparecido.
Foi uma investigação cautelosa e se baseando em evidências. Era preciso ter certeza de que as pistas eram fortes e coerentes”, disse o delegado Décio de Souza Lima Filho em contato com o www.renatodiniz.com.
O corpo de ‘seu’ Roseno estava enterrado em um chiqueiro de porcos no quintal da residência do autor do delito, José Alberto dos Santos Silva, vulgo Zeca, embaixo de uma malha de concreto”, informou o delegado em comunicado à imprensa.
A PC encara o caso como latrocínio (roubo seguido de morte).
O acusado tinha pendências financeiras com a vítima que ao fazer a cobrança acabou assassinada.
José Alberto confessou a morte, mas nega roubo.
A vítima teria chegado numa moto com uma espingarda e José Alberto para se armou de um tamborete. Quando Rosendo caiu, o acusado tomou-lhe a espingarda desferiu um tiro”.
Vendo que Roseno estava morto, José Alberto o enterrou.
A moto foi desmontada por ele, o quadro foi jogado numa cisterna, as outras peças foram colocadas numa casa e a espingarda foi jogada num açude.
(Por www.renatodiniz.com com informações da PC/Barra de Santa Rosa)

Nenhum comentário:

Postar um comentário