quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

MORRE NO TRAUMA BATERISTA CAMPINENSE BALEADO EM ESPERANÇA

Morreu por volta das 08h00 desta quarta-feira (27/02) no Hospital de Trauma, em Campina Grande, o músico baterista Kelson Ysnai Vidal do Nascimento, 33 anos.

Ele estava internado desde domingo, 13 de janeiro, após sofrer uma tentativa de assalto na Rua Manoel Rodrigues, Centro de Esperança, no Agreste.
Kelson tinha acabado de participar de um show em um bar da cidade.
Amigos informaram que quando estavam se preparando para entrar num carro com destino à Campina Grande, apareceu o bandido de arma em punho.
Ele anunciou o assalto, a vítima tentou reagir e houve luta corporal.
O bandido não levou nada e atirou na cabeça do músico.
AS PRISÕES
(Jéferson: assassino)
Uma ação conjunta das policias militar e civil resultou nas prisões dos dois acusados.
Inicialmente foi preso na quarta (16/01), em Esperança, Ricardo Vieira de Assis, de 23 anos.
Ele deu fuga ao atirador e assaltante Jéferson Pereira de Oliveira, de 18 anos.
Jéferson foi preso na quinta (17) em Parelhas, no Rio Grande Norte, onde estava escondido.
Ele já tinha sido preso por roubo em Esperança e responde por homicídio em Baraúnas/RN.
(Ricardo: cúmplice)
Ricardo, ao ser preso, confessou tudo, e informou que Jéferson atirou no músico.
Os envolvidos foram presos por policiais da 12ªDSPC e 15ºBPM.
(Por www.renatodiniz.com)

2 comentários:

  1. 2 bandidos miseráveis,
    Ó que disparou os tiros mostrou enorme maldade já com o cara caído desacordado é atirar daquela forma fria é estúpida.
    Fdp verme miserável que merece nó mínimo apodrecer na cadeia.
    Que Deus conforte há família desse rapaz nesse momento sempre muito difícil.

    ResponderExcluir
  2. Não merece apodrecer em cadeia não. Merecem ser mortos no chute e na paulada e ser jogado em algum esgoto depois.

    ResponderExcluir