sábado, 16 de maio de 2020

JOÃO AZEVÊDO ASSINA NOVO DECRETO AMPLIANDO ISOLAMENTO PARA TODOS OS MUNICÍPIOS


O governador João Azevêdo assinou o decreto neste sábado (16/05), prorrogando o isolamento social até o dia 31 de maio e ampliando as medidas restritivas, que agora passam a vigorar em todos municípios paraibanos, independente do registro de casos confirmados da Covid-19.

O objetivo é conter o avanço do coronavírus no Estado, tendo em vista o aumento diário de casos diagnosticados, principalmente nesta semana.
Além da continuidade da suspensão das atividades consideradas não essenciais para este momento, com o novo decreto os estabelecimentos comerciais ou empresas de transportes públicos serão multados em R$ 100,00 por cada pessoa que estiver no seu interior sem máscara.
Esse acessório é obrigatório também em todos os espaços públicos do estado.
Os recursos provenientes das multas aplicadas serão destinados às medidas de combate ao novo coronavírus.
O decreto ainda determina a interrupção do transporte intermunicipal em todo território paraibano.
Assim, todos os terminais rodoviários pertencentes ao estado ficarão fechados a partir do próximo dia 20 até o dia 31 de maio, período em que também deverá ser paralisada a travessia Costinha/Cabedelo/Costinha por meio da balsa.
O documento também prevê a instalação de barreiras sanitárias nas rodovias PB-008 e PB-018 (Conde), PB-025 (Lucena), PB-034 (Alhandra/Caaporã), PB-044 (Caaporã/Pitimbu) e no terminal hidroviário de Cabedelo.
O acesso a esses municípios ficará restrito aos moradores e às pessoas que trabalhem nas atividades consideradas essenciais, ou para tratamento de saúde, devidamente comprovados.
Também serão suspensas no período de vigor do decreto as atividades da construção civil – com exceção das obras relacionadas às necessidades da pandemia da Covid-19 e emergenciais – na Região da Grande João Pessoa, abrangendo os municípios de João Pessoa, Bayeux, Cabedelo, Conde, Santa Rita, Alhandra, Caaporã e Pitimbu, bem como em Campina Grande, Queimadas, Lagoa Seca e Puxinanã.
(Por Secom)

7 comentários:

  1. Isolamento aqui em campina grande só está funcionando para o comércio central, se for nas ruas de campina grande só o que tem e bares com muitos biriteiros aos montes , tem posto de combustível com bar que funciona a noite toda com pessoas bebendo, isolamento aqui não existe só existe proibição para o comércios central.

    ResponderExcluir
  2. ESSE POVO SÓ VÃO PARAR DE DESOBEDECER AO ISOLAMENTO SOCIAL QUANDO ALGUÉM DA FAMÍLIA ADOECER AÍ ELES VÃO SABER PORQUE É IMPORTANTE FICAR EM CASA. QUANTO MAIS GENTE NAS RUAS SEM MÁSCARA SEM PROTEÇÃO NENHUMA AÍ É QUE VAI TER PESSOAS CONTAMINADAS NÃO VAI TER RESPIRADORES PRA TODO MUNDO E MUITOS NÃO VÃO SOBREVIVER INFELIZMENTE POR SEREM PESSOAS IGNORANTES E DESINFORMADAS TÁ MORRENDO MUITAS PESSOAS QUE PENA.

    ResponderExcluir
  3. Fui olhar um terreno hoje no condominio da mrv
    Saida pra lagoa seca.
    E o engenheiro
    Chamado bruno
    Falou que nao ia parar parar as atividades la da CONSTRUÇAO civil
    Entao alguem ai do governo va la depois do dia 20
    Pra multar essa empresa ....

    ResponderExcluir
  4. Quanto mas decreto mas casos aumentam , quanto mas restrições mas os casos aumentam . Isso nem froyd explica .

    ResponderExcluir
  5. Governador está esperando o que pra sancionar o projeto e lei dos deputados . descontos em mensalidade em escolas particulares . Projeto importante pra ajudar a todos os pais nesse momento .

    ResponderExcluir
  6. Sancione o projeto da assembleia , assine a redução das mensalidades .

    ResponderExcluir