quarta-feira, 17 de junho de 2020

APLICATIVO “COMPRA SOLIDÁRIA” PARA PEQUENOS E MÉDIOS COMERCIANTES DE CAMPINA GRANDE

Na manhã desta quarta-feira (17/06) o prefeito Romero Rodrigues lançou, através de suas redes sociais, a plataforma digital “Compra Solidária”.
A ferramenta foi desenvolvida pelo Procon de Campina Grande e já está disponibilizada gratuitamente aos pequenos e médios comerciantes, com acesso simples e ágil para as vendas online, viabilizando, inclusive, pagamentos através do aplicativo WhatsApp.
O endereço do site é www.procon.campinagrande.pb.gov.br.
Conforme esclareceu Romero, micros e pequenos empreendedores foram diretamente afetados pela pandemia, devido a fatores como o isolamento social.
A plataforma faz a conexão entre compradores e vendedores, mostrando, entre outras vantagens, comércios próximos para entregas locais.
Outra novidade é que o pagamento poderá ser feito por meio do aplicativo de mensagens WhatsApp.
O serviço é prestado em parceria com instituições financeiras como o Banco do Brasil, Cielo, Nubank e Sicredi.
O consumidor poderá fazer seus pedidos via telefone ou computador.
Um cartilha explicativa será disponibilizada ao público até a próxima sexta (19).
Com o Compra Solidária, os lojistas irão cadastrar seus produtos com fotos, preços, taxa de entrega e poderão, sempre que quiser, permanecer online para receber seus pedidos.
Para o cliente, a vantagem é poder fazer a compra através de uma plataforma de comércio eletrônico segura, atestada pelo Procon.
COMO FUNCIONA?
A ferramenta está disponível no portal do Procon Campina Grande: https:/procon.campinagrande.pb.gov.br.
O interessado deve acessar e fazer o cadastro do seu negócio, aguardando, em seguida, a análise das informações cadastradas.
O cadastro do estabelecimento, em si, exige algumas informações referentes ao estabelecimento e ao seu representante, como CNPJ ou CPF, razão social, nome do representante, endereço , telefone e uma foto do estabelecimento.
Todas as informações são obrigatórias, exceto o site.
O cadastro exige uma senha, que servirá de acesso posterior aos seus dados para atualização ou fechamento temporário do estabelecimento.
(Créditos: Codecom)

Nenhum comentário:

Postar um comentário