sexta-feira, 5 de junho de 2020

MORTE DE COMERCIANTE EM CAMPINA: PC JÁ TEM IDENTIFICAÇÃO DOS SUSPEITOS


A investigação da morte da comerciante Josefa do Carmo Andrade, de 48 anos de idade, está sob a responsabilidade da Delegacia de Roubos e Furtos com delegado Demétrio Patrício e equipe.

As características apontadas inicialmente são para um crime de Latrocínio (matar para roubar).
Mas, no entanto, conforme o delegado, os suspeitos já foram identificados e um deles tem Mandado de Prisão e ser cumprido por outro crime.
“Carminha da goma” foi assassinada na Rua Apolônia Amorim no Bairro Alto Branco, em Campina Grande, com um tiro na cabeça, dentro do carro, em frente a  lanchonete onde foi comprar lanches com os filhos.
O homicídio ocorreu por volta das 20h00 da quarta (03/06).
Ela ficou no carro, os acusados se aproximaram e em determinado instante, a comerciante foi baleada.
O carro, conforme imagens de uma câmera de monitoramento, faz um movimento para trás e em seguida um dos autores efetua dois disparos.
Um não acertou a vítima.
A polícia ainda tem dúvidas se realmente foi um crime por encomenda ou latrocínio.
Nada foi levado.
Havia um revólver dentro do carro, pois de acordo com o marido de “Carminha”, ela sofreu ameaças.
(Por www.renatodiniz.com)

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Passei lá. no bar de auri, tá cheio lá dentro. Porta baixar . Como vamos com ter o CV 19

    ResponderExcluir
  3. Dizem que cachaceiro não contraí o C19

    ResponderExcluir
  4. O SILÊNCIO TEM SIDO A SOLUÇÃO DESSE ASSASSINATO... A SOCIEDADE NECESSITA DE SOLUÇÃO. NEM A PM EVITA NEM A JUDICIÁRIA PRENDE!!!

    ResponderExcluir