sábado, 20 de julho de 2019

PC PRENDE EM CAMPINA LÍDER DE FACÇÃO CRIMINOSA DO MARANHÃO

Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos e da Unidade de Inteligência prenderam nesta sexta (19/07), em Campina Grande, um líder de uma facção criminosa no estado do Maranhão.

Além dele, os PCs também prenderam a mulher dele e outro homem.
As prisões ocorreram no Bairro Catolé.
Segundo comunicado do delegado Eduardo Almeida, a ação em Campina fez parte da “Operação Camboa”, desencadeada no Maranhão.

O líder preso trata-se de Victor Lucci Costa, o “vitão” que no momento da captura usava documentos falsos no nome de José Amaro da Silva Filho.
Os outros são a mulher dele (Rayze Kellem Gomes) e Napoleão Antônio dos Santos, parceiro do “vitão”.
Napoleão é de Pernambuco.
Conforme o delegado Eduardo Almeida, “foram apreendidos dois veículos de origem suspeita, além de mercadoria supostamente furtada no ‘importe’ 30.000 (trinta mil reais) e várias folhas de Carteiras de Identidade em branco, ou seja, apetrechos para falsificação documental”.
Contra “vitão” existiam dois mandados de prisão, um por tráfico de drogas e outro por ter fugido de um presídio no Maranhão em 2018.
De acordo com o delegado, eles “levavam uma vida de luxo em Campina Grande, residindo em imóveis de alto padrão, mesmo todos tendo afirmado que encontram-se desempregados e sem fonte de renda que justifique tal padrão”.
Eduardo acrescentou que em São Luís/MA, outras cinco pessoas foram presas.
(Por www.renatodiniz.com com informes da DRF/CG)

Um comentário:

  1. O cara foi preso nesse frio será que eles levaram lençol pra esquentar

    ResponderExcluir