segunda-feira, 15 de junho de 2020

PRESSIONADO PELO MPF, GOVERNO DIZ QUE FEIJÃO DE PASTOR NÃO CURA CORONAVÍRUS

O Ministério da Saúde publicou em seu site um alerta de que são falsos os feijões vendidos pelo apóstolo Valdemiro Santiago como cura para a Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.
A ação do governo contra o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus e apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ocorreu por pressão do MPF (Ministério Público Federal), que abriu investigação contra o pastor evangélico por estelionato (ele sugeria de “1 mil reais” dos fiéis pelas sementes).
"O Ministério da Saúde informa que não há, até o momento, produto, substância ou alimento que garante a prevenção ou tratamento do coronavírus", escreveu a pasta em seu site. "Conforme determinação do MPF, o Ministério da Saúde esclarece que é falso que o plantio de sementes de feijão, comercializados pelo líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, Valdemiro Santiago, leva à cura ou serve para prevenção da covid-19”, informou o ministério.
A mensagem do Ministério da Saúde sobre "feijão que cura coronavírus" é acompanhada de um selo que adverte: "Isto é Fake News! Esta notícia é falsa - Não divulgue".
Em vídeo já retirado do ar pela Justiça, o apóstolo pediu para as emissoras de TV produzirem reportagens sobre o milagre do feijão, o que é falso.
(Por Yahoo)

6 comentários:

  1. Aí é ladrão pilanta safado o fim dese vai ser triste,

    ResponderExcluir
  2. VAMOS COMER FEIJÃO, PESSOAL !!!!!! ESTAMOS SALVOS !!!!

    ResponderExcluir
  3. deixa ele vender os feijões compra quem quer.porquê o MPF não mostra potência e vai na china prender o responsável quê espalhou esse pânico dessa doença na população

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tu deve ser da mesma forma trabiqueiro,

      Excluir
    2. BOA NOITE, MEU AMIGO JOÃO. ESTE ANÔNIMO DAS "3 CARINHAS"( TINHA QUE SER ANÔNIMO, NÃO É MESMO ? ), NÃO GOSTA NEM UM POUCO DE VOCÊ. JÁ REPAROU ISTO ?

      Excluir
  4. Tudo ladroes .alj babá e os 513.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.